terça-feira, 26 de agosto de 2008

Feliz aniversário


Quando completou 16 anos, pelo décimo ano consecutivo ganhou os mesmos presentes. Flores e lágrimas eram deixadas sobre o cimento frio, logo abaixo da inscrição que trazia seu nome, sua foto, e duas datas próximas demais para serem aceitas.


3 comentários:

muri disse...

mto bom esse.

wagner disse...

ótimo microconto. é a primeira vez que leio teu blog e já tenho vontade de voltar sempre. abraço

Ana disse...

P E R F E I T O esse =]
=*